Dificuldade de emagrecer?

Como psicóloga especialista em saúde e emagr ecimento, digo que h ábitos alimentares falam muito sobre o indivíduo e sua forma de vida, ...

Como psicóloga especialista em saúde e emagrecimento, digo que hábitos alimentares falam muito sobre o indivíduo e sua forma de vida, assim como as motivações, frustrações e outras razões de se comportar também desvelam formas do sujeito estar no mundo. 

Explorar os padrões comportamentais do indivíduo são meios para pôr em questão fatos e crenças na intenção de resignificá-las. Emagrecer não é fácil, mas também não é impossível! 

Por quê emagrecer é difícil?


A obesidade é um fator crescente, o marketing dos comerciais de tv são exímeis e sábios diante da fragilidade dos pais em dizer o não. Asociedade moderna exige uma verdadeira adequação comportamental na praticidade das refeições, as quais estão cada vez mais globalizadas e presentes em nosso cotidiano, em face da facilidade em adquirir alimentos industrializados que dominam não só em prateleiras, mas também nas opções dos pequenos super influenciados por múltiplos interesses comerciais de uma sociedade capitalista e recheada de  hábitos alimentares impróprios à saúde das futuras gerações.

A obesidade é uma doença crônica, de origem multifatorial e difícil controle por envolver diferentes aspectos da vida do indivíduo, o que requer o olhar de diferentes profissionais de saúde, tais como: clínico geral, endocrinologista, nutricionista, psicólogo, educador físico, entre outros, que devem trabalhar de maneira conjunta a fim de    potencializar    no    indivíduo habilidades e condições não só de orientações nutricionais e de intervenção clínica, como também, de atividade física adequada e de suporte psicológico para o controle, prevenção e promoção da saúde do indivíduo obeso que deve resistir sabiamente as imposições da sociedade que consome desenfreadamente, em que comprar um alimento significa também poder de consumo...

Durante a dieta a psicoterapia tem funções importantes, mencionarei quatro grandes contribuições são elas: abordagem de expectativas irreais e quase mágicas dos pacientes para a  perda de peso, sendo necessário  modificar esta crença. A segunda, refere-se ao comportamento pró-ativo e de constante motivação, a qual ocorre caso o tratamento envolva um processo de formação de longa duração, mais de um ano. A terceira,  aponta que o controle rígido deve ser desencorajado, pois as mudanças de comportamento e atitude devem ser governadas pelo princípio do controle flexível e a longo prazo.  O quarto, traz o sucesso a longo prazo em razão dos comportamentos estarem envolvidos em processos de adesão e mudança em hábitos e no estilo de vida.

Abaixo o vídeo aborda como somos influenciados socialmente para o consumo desenfreado de alimentos, veja e reflita...
 

Postagens relacionadas

Tratamento 7245024990226966226

Postar um comentário

emo-but-icon

Encontre-me no Facebook

Divulgue nossos textos

Últimos artigos

Psicóloga Carla Ribeiro. Imagens de tema por Jason Morrow. Tecnologia do Blogger.

+Lidos

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Endereço e contato

Consultório de Psicologia em Santos
Av.: Conselheiro Nébias, 444 - conj. 1709
Encruzilhada, Santos/SP
CEP 11045-000
Telefone: (13) 3301-9055

Total de visualizações

item